: EVENTO NECC 2017


FACULDADE DE ARTES, LETRAS E COMUNICAÇAO – FAALC
PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO MESTRADO EM ESTUDOS DE LINGUAGENS – PPGMEL
NÚCLEO DE ESTUDOS CULTURAIS COMPARADOS - NECC

IV COLÓQUIO DO NECC: A HORA DA ESTRELA CLARICE LISPECTOR (40 anos)
 
DIAS: 18, 19 & 20 DE OUTUBRO DE 2017
LOCAL: ANFITEATRO DO CCHS
 
                                                                          PRIMEIRA CIRCULAR

Em meio a estes tempos sombrios e TEMERosos da política brasileira de 2017, lembramos, talvez não por acaso, que o livro A hora da estrela,

da intelectual Clarice Lispector, faz 40 anos de sua publicação (1977). Não por acaso porque, ressalvadas as diferenças, o contexto no qual a novela

foi escrita também era repressivo, ditatorial e sumariamente desalentador. Assim, valendo-se de sua arma mais poderosa, a linguagem literária,

e já talvez antecipando o que Bhabha viria a nos ensinar depois de que narrar é narrar a nação, a intelectual tratou, sem dó nem piedade, de uma

realidade política pouco explorada ainda pela narrativa literária brasileira. Apesar de sua participação na passeata dos 100 mil e de algumas

crônicas de protestos, incluindo até mesmo alguns pequenos textos considerados ficcionais como é o caso do conto “Mineirinho”, foi por meio de seu

compromisso com a linguagem que Clarice soube se antecipar e dar a melhor resposta possível de como captar a realidade política daquele momento

histórico do país. Mesmo passados 40 anos de sua publicação, o livro A hora da estrela traz e apresenta-nos um projeto intelectual arrojado que,

entre outras leituras, ajuda-nos a compreender melhor essa realidade política brasileira que não nos cansa de surpreender com suas atrocidades,

gatunos e malas.

 
 
Além da homenagem prestada ao livro, o NECC, ao propor a temática A HORA DA ESTRELA CLARICE LISPECTOR, também presta homenagem

aos 40 anos de morte da escritora Clarice Lispector, ocorrida naquele início de dezembro escaldante de 1977. Quarenta anos sem Clarice são

correlatos a quarenta anos com Clarice, já que, em se tratando da crítica brasileira,e até mesmo dos estudos feitos no exterior, essa crítica

nacional não tem feito outra coisa nestes últimos 40 anos senão elevar a escritora e sua obra ao mais alto patamar já alcançado

por uma intelectual mulher dentro do projeto que sustenta a literatura brasileira. Justificada e tornada pública a proposta temática

do IV COLÓQUIO DO NECC, passamos a algumas informais prévias e gerais acerca da organização e participação no evento.


 
O CONVITE, inicialmente, é feito a todos os interessados, quer seja como participantes, quer seja como apresentadores de papers.

Visando que todos os interessados possam efetivamente participar, trazemos algumas informações necessárias:

 
1- Acadêmico de Graduação pode participar com apresentação de trabalho, desde que tenha algum tipo de bolsa científica e o trabalho seja em

coautoria com o professor responsável e respectivo orientador do acadêmico;

 
2- Pós-Graduandos, nível mestrado e doutorado, podem participar com apresentação de trabalho, desde que em coautoria com seu respectivo

orientador de pesquisa;


 
3- Professores em geral, de preferência que tenham defendido trabalhos acadêmicos sobre a obra de Clarice Lispector;


 
4- Professores em geral, cujo trabalho a ser apresentado seja sobre Clarice Lispector, ou aluda à sua obra por meio de uma perspectiva comparatista,

impreterivelmente;


 
5- Pesquisadores em geral da obra da Escritora;


 
6- Interessados em geral cuja proposta passe diretamente pela obra, vida ou fortuna crítica da escritora.
 


7- Participantes em geral, sem apresentação de trabalho, terão apenas que se inscrever no momento oportuno, por meio de ficha a ser disponibilizada no

momento certo.
 

INFORMAÇÕES EXTRAS: a SEGUNDA CIRCULAR a sair em breve contemplará:

FICHA DE INSCRIÇÃO e MODO DE SE INSCREVER; VALOR DA INSCRIÇÃO, NORMAS BIBLIOGRÁFICAS DO RESUMO e DO TEXTO FINAL,

entre outras pertinentes para a ocasião.

 
 
 
                                                                                                                                                                   [...] o que me provoca e inspira para a vida:

                                                                                                                                                                                             estrela acesa ao entardecer.
 
                                                                                                                                                                                                            Um sopro de vida.


ATENCIOSAMENTE,
 
Prof. Dr. Edgar Cézar Nolasco
COODENADOR DO NECC E DO EVENTO
 
        

                                   
 
 

 



ISSN: 1984-7785