Contribuições da Disciplina de Libras na Formação Inicial de Professores de Matemática

Denner Dias Barros, Miriam Godoy Penteado

Resumo


 

O objetivo deste artigo é apresentar alguns elementos de uma disciplina de Língua Brasileira de Sinais (Libras) ofertada em um curso de formação inicial de professores de matemática de uma universidade pública do interior de São Paulo. São discutidos aspectos que podem contribuir para a formação de professores, tomando como referência a perspectiva da Educação Inclusiva. A inserção da disciplina de Libras para os cursos de formação de professores tornou-se obrigatória a partir do Decreto nº 5626/2005 e, desde então, currículos estão sendo alterados visando a implementação da lei. Neste estudo, os dados foram compostos pelas ementas da disciplina e entrevistas semiestruturadas, com base nos quais foram discutidas as possíveis contribuições para a formação destes profissionais. Dentre todos os aspectos que emergiram, ressaltamos o desenvolvimento de um novo olhar para as diferenças, o planejamento de ensino em uma perspectiva inclusiva e o aprendizado da Libras.


Palavras-chave


Educação Inclusiva; Libras; Formação de Professores; Educação Matemática

Texto completo:

pdf

Referências


AZEVEDO, F. A reconstrução educacional no Brasil ao povo e ao governo: Manifesto dos Pioneiros da Educação Nova. São Paulo: Cia. Editora Nacional, 1932.

BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília: Imprensa Oficial, 1988.

BRASIL. Lei 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Brasília, DF, 1996.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Especial. Diretrizes Nacionais para a Educação Especial na Educação Básica. Brasília: MEC/SEESP, 2001.

BRASIL. Lei nº 10.436, de 24 de abril de 2002. Dispõe sobre a Língua Brasileira de Sinais - Libras e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 25 abr. 2002. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/2002/l10436.htm. Acesso em: 01 mar. 2017.

BRASIL. Decreto nº 5.626, de 22 de dezembro de 2005. Regulamenta a Lei no 10.436, de 24 de abril de 2002, que dispõe sobre a Língua Brasileira de Sinais - Libras, e o art. 18 da Lei no 10.098, de 19 de dezembro de 2000. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 23 dez. 2005. Disponível em: . Acesso em: 01 mar. 2017.

CINTRA, V. P. Trabalho com projetos na formação inicial de professores de matemática na perspectiva da educação inclusiva. 2014. 137 f. Tese (Doutorado em Educação Matemática), Instituto de Geociências e Ciências Exatas – Unesp, Rio Claro/SP, 2014.

FELTRIN. S. G. N. A inclusão da disciplina de Libras nos cursos de licenciaturas da UNESC: dilemas e expectativas. 2014. 111 p. Dissertação (mestrado em Educação), Universidade do Extremo Sul Catarinense, Criciúma/SC, 2014.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. São Paulo: Atlas, 1991.

HARKOT-DE-LA-TAILLE, E. Ação moral e estereótipos culturais. In: ARANTES, V. A. (Org.). Afetividade na escola: alternativas teóricas e práticas. São Paulo: Summus, 2003. p.171-190.

MOURA, M. C. Surdez e Linguagem. In: LACERDA, C. B. F.; SANTOS, L. F. (Org.). Tenho um aluno surdo e agora? Introdução à Libras e educação de surdos. São Carlos: Edufscar, 2014. p. 13-26.

ONU. Declaração Universal dos Direitos Humanos. 1948. Disponível em .

Acesso em 12 de set. de 2017.

PEREIRA, T. L. Os desafios da implementação do ensino de Libras no Ensino Superior. 2008. 94 f. Dissertação (mestrado em Educação), Centro Universitário Moura Lacerda de Ribeirão Preto, Programa de Pós-Graduação em Educação, Ribeirão Preto/SP, 2008.

RIBEIRO, P. R. M. História da educação escolar no Brasil: notas para uma reflexão. Ribeirão Preto: Paidéia [online]. 1993, n.4, p.15-30.

SANTANA, J. A. S.; RINALDI, R. P.; SCHLÜNZEN, E. T. M. Análise das Disciplinas de Libras nos Cursos de Formação Inicial em Pedagogia da Unesp. In: SCHLÜNZEN, E. T. M.; RINALDI, R. P. (Org.). Formação de educadores: compromisso com a educação especial na perspectiva da educação inclusiva. São Carlos: ABPEE: Marquezine & Manzini, 2014. p.115-136.

TARDIF, M. Saberes docentes e formação profissional. Petrópolis, R.J.: Editora Vozes, 2002.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License

INDEXADORES

      Resultado de imagem para latindex indexador