A CONTRIBUIÇÃO DA ANATOMIA CAULINAR E FOLIAR PARA A TAXONOMIA DE Melochia spicata (L.) Fryxell, (Malvaceae).

Vitor Cassius dos Santos, Maria José Neto

Resumo


Melochia spicata (L.) Fryxel caracteriza-se por indivíduos subarbustivos cujos ramos apresentam indumentos densos com folhas alternas, lâminas ovadas, ápice agudo e margens serreadas. As flores são brevistilas, longistilas e apresentam coloração das pétalas lilases, róseas e brancas. Apresenta indivíduos bem diferenciados quanto aos tipos florais no que tange a coloração das pétalas e a heterostilia. Do ponto de vista anatômico é sabido que o conhecimento das estruturas interna das plantas é de grande importância para o conhecimento dos processos fisiológicos, ecológicos e das relações filogenéticas das plantas. É notável a carência de trabalhos sobre a anatomia de órgãos vegetativos do gênero Melochia. Diante dessa distinção floral e da escassez de trabalhos que investiguem as diferenças que ocorrem entre os tipos citados, este estudo objetivou a análise anatômica do caule e folha a fim de agregar conhecimento da estrutura interna e oferecer subsídios para taxonomia. Observou-se que os órgãos analisados seguem um padrão anatômico nos três morfotipos que representam Melochia spicata, porém foi constatada uma composição incomum das que se tem conhecimento no que se refere ao mesofilo, que é praticamente homogêneo com parênquima paliçádico e apenas os feixes vasculares são rodeados por parênquima lacunoso.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.